Com uma trilha sonora que emocionou o público, o filme “Os Dez Mandamentos” arrastou multidões para o cinema. Em números, foram 6,7 milhões de espectadores em apenas quatro semanas de exibição – superando, inclusive, o campeão mundial de bilheterias Star Wars: O despertar da força, que demorou 12 semanas para alcançar 6,6 milhões de espectadores. Quem vê o filme e escuta sua trilha sonora não imagina que a grande maioria delas é criada por um homem só: Daniel Figueiredo. Para a novela, ele produziu quase 300 músicas originais, que foram também utilizadas no filme, com algumas novidades.

Daniel é um pesquisador nato de instrumentos, adquirindo conhecimento de centenas deles para gravação das músicas. Autor de mais de 50 temas de aberturas para TV, Daniel se considera, acima de tudo, guitarrista. “Uso até guitarra com distorção nas trilhas épicas de ação da novela, para dar um peso e movimento que nenhum outro instrumento consegue”, diz Daniel, que dedicou muitos anos em pesquisa no instrumento que mais admira. Ele contou com a ajuda do especialista William Bordokan para gravação de instrumentos étnicos, provenientes da cultura do oriente médio.

Com quase 30 anos de profissão, o produtor conta que sempre faz a trilha das novelas já pensando no cinema. Além de “Os Dez Mandamentos”, Daniel também produziu toda a trilha sonora das minisséries “A lei e o Crime”, “A Historia de Ester” e “José do Egito”. Desde 2005 na Rede Record, Daniel foi o único produtor musical de todas as novelas do diretor Alexandre Avancini e já renovou seu contrato com a Record até 2017 produzindo a próxima novela, “A terra prometida”, além da segunda temporada de “Os dez mandamentos”.

http://voceemsampa.com.br/orquestra-de-um-homem-so/